O potencial do povo brasileiro


Uma parte forte do discurso de Ciro Gomes é o potencial do brasileiro e a esperança no nosso povo. Não à toa isso está no seu livro desde o título. Como ele mesmo descreve bem, foi esse mesmo povo (que há décadas sofre com a falta de um desenvolvimento digno) que construiu um dos mais bem sucedidos experimentos de crescimento da história do planeta. E a história do professor Ciswal Santos, contada nesta matéria reforça essa ideia por todos os ângulos. 

Ex-catador, Santos foi parar em Harvard, uma das melhores universidades do mundo, no ano de 2018 com um projeto que envolve acesso à internet, geração sustentável de energia e captação de água, que já está sendo aplicado em Moçambique. Dessa sua experiência, o professor, que hoje dá aulas no Cariri cearense, criou um computador com apenas R$ 22.

Do tamanho de uma caixa de fósforo, o equipamento batizado de HYTEC One (Oi, tecnologia 1) é voltado para ampliar o acesso de famílias de baixa renda à tecnologia. A ideia de Ciswal Santos surgiu da dificuldade de seus alunos para assistir as aulas durante a pandemia da Covid-19 por não terem acesso à internet e a um computador de qualidade. Para funcionar, o HYTEC One só precisa de uma tela, seja de computador ou telefone, e sinal de wi-fi; em breve, terá até seu próprio sistema operacional.

A história é de encher os olhos de qualquer um. O potencial revolucionário de um equipamento como esse é imensurável, dadas as condições de milhões de brasileiros no acesso à informação e educação de qualidade. No entanto, assim como reforça Ciro Gomes, não adianta que o povo brasileiro tenha todo esse potencial quando o Estado joga contra. Ou pior: nem se apresenta pro jogo.

O professor Ciswal contou ao G1 que já tem uma proposta de empresários dos Emirados Árabes Unidos para que o aparelho seja desenvolvido em larga escala para ser comercializado na África, apesar dele reforçar que a sua intenção é que o mini-computador seja disseminado primeiro no Brasil, a começar pelo Ceará e pelo Nordeste.

Onde está o Estado brasileiro uma hora dessas? Cadê os projetos de educação, desenvolvimento de tecnologia, financiamento de inovação? Não existe! O Brasil só tem saída por um grande Projeto Nacional de Desenvolvimento, que dê oportunidade para que ideias maravilhosas como essa do professor Ciswal Santos virem empregos, renda e desenvolvimento para o nosso país, não para os outros países.

+ Não há comentários

Adicione o seu