A corrupção é péssima, mas a incompetência mata!


Por Robson Cardoso Silva

O que esperamos de um governo central é, sobretudo, a coordenação de equipes para orientar e direcionar os esforços em torno de um projeto! Não acontece isso no Brasil! Além das 4 mudanças no Mistério da Saúde em plena pandemia, ninguém sabe o nome do ministro dos esportes em pleno ano olímpico! Mesmo a pasta da educação, responsável consensualmente pela solução de muitos de nossos problemas, é ocupada por um “ilustre” desconhecido.

A corrupção nos afastou da sensação de que a política é a linguagem de resolução dos problemas! Suas consequências levaram ao desapego da política e, com isso, à falta de pertencimento nacional! Péssima condição a que chegamos! Parece que esse dinheiro não foi roubado só porque ele nunca foi distribuído, mas ele pertence aos brasileiros!

O PROBLEMA DO BRASIL É A FALTA DE DINHEIRO?

Outro problema é que sempre quando aparecem soluções, como o Projeto Nacional de Desenvolvimento, contendo metas, prazos, supervisões e as funções sociais de cada ente da federação, a respostas dos políticos é sempre a mesma: “não temos dinheiro!” ou então “o país está quebrado!”.

MENTIRA!

O problema do dinheiro brasileiro é solução! Deixe-me explicar! O país deve continuar quebrado se não houver competência dos dirigentes! Há dinheiro, muito orçamento e, óbvio, rendimentos, formas de agregar mais valor! O PND explica detalhadamente, mas vou resumir aqui…

Não basta substituir o tripé econômico praticado por Fernando Henrique Cardoso, copiado por Luis Inácio da Silva, continuado por Dilma Roussef e, inacreditavelmente, mantido por Michel Temer e agora intensificado por Jair Bolsonaro: meta de inflação, meta fiscal e câmbio flutuante. O Brasil não mudou? Temos a mesma quantidade de pessoas? O mundo não mudou?

Para entender estes termos do economês, assista as entrevistas ou palestras de Ciro Gomes, ou leia seu livro “Projeto Nacional de Desenvolvimento: o dever da esperança”. Na obra, Ciro comenta detalhadamente cada área e dá a cartada de que isso não é e não deve ser regra para um Brasil diverso, complexo, abrangente e cheio de riquezas!

ONDE ESTÃO OS RECURSOS?

Se não temos dinheiro, como o atual governo aumentou o salário dos ministros em até 69% e do próprio presidente em 6%? O dinheiro existe e está escondido! Vamos a ele! Sem novo imposto ou novas taxas! O caminho? Cobrar aquilo que os ricos e criminosos nos devem! Sim, o governo escolhe não ganhar um dinheiro a que tem direito!

A Unafisco fez um levantamento de todas as renúncias e isenções e calculou que o Brasil deixa de arrecadar cerca de 457 bilhões! Sim, são renúncias fiscais e, nesse estudo, não estão estão os lucros e dividendos, coisa que só o Brasil e Estônia não cobram e que  poderia ter nos dado 60 milhões de reais em 2021!

Você quer mais? Acha pouco? Que tal considerar quase 30 bilhões de reais de empresas que estão isentas de impostos do Simples Nacional por causa da pandemia, mas que lucram muito e não pagam nada! Estamos tão quebrados assim? Sabe a famosa Zona Franca de Manaus? Para ser isento de tributos por lá, justificando o “franca” da região, é preciso cumprir uma série de requisitos, mas muitas das empresas que lá estão NÃO CUMPREM OS REQUISITOS e, ainda assim, não contribuem. Abrimos mão, dessa forma, de cerca de 24 bilhões .

Se você está procurando emprego ou decidindo seu voto para a próxima eleição, saiba que ainda tem mais dinheiro escondido! O famoso REFIS, programa de recuperação fiscal do Governo, além de priorizar algumas empresas ou pessoas, se passarmos um pente fino, analisar com cuidado os mais de 90%  a serem renunciados, o governo pode arrecadar mais 22 bilhões!

Se você é trabalhador deve conhecer bem a retirada da contribuição social patronal, que as empresas desoneram da folha de salário, arrecadaria mais de 98 bilhões de reais! Detalhe, o Congresso sabe desse projeto e adiou por mais um ano sua votação!

É POSSÍVEL MUDAR

Quer mais? Se tivermos um presidente que proponha primeiro, mostre de onde vem, para onde vai, quem supervisionará e quais os prazos, como Ciro Gomes faz e faz, teremos um líder, um coordenador, um diretor do poder executivo de fato! Assim, olhe onde podemos mais uma vez conseguir mais dinheiro para os projetos do PND: taxar realmente a exportação do agronegócio! Sim, já viram o preço do arroz? Do óleo de cozinha? Vai tudo para fora enquanto aqui nos falta, encarecendo o produto! E o pior é que deixamos de arrecadar 9,2 bilhões em impostos justos! Não que eles não paguem, pois há muitos caloteiros ali, mas o imposto é muito, muito baixo e não há proporção ou regra, apenas um governo atual que fecha os olhos para tudo isso! Quer comparar? Tudo o que arrecadamos em exportação do agronegócio em 2019 não deu R$ 17 mil!

Enquanto o governo abraça literalmente a bancada do agronegócio, suspendendo tributos da importação, ganhando de volta centavos por isso, gerando emprego e renda no exterior, Ciro Gomes propõe um Complexo do Agronegócio, para que todas nossas fazendas prosperem e gerem renda e trabalho aqui!

Ah, você está lendo isso e pensou, poderia ter mais, né? E tem! Os nossos governantes preferem dar isenção de impostos para fábricas de peças de embarcações e aeronaves que somam 34 bilhões por ano! Detalhe que, até aqui, não inventamos nenhum novo tributo ou imposto! Sim, basta que os governantes façam sua parte que é coordenar, orientar e seguir um projeto nacional de desenvolvimento! No PND de Ciro Gomes, temos um tributo para jatos, jet ski, lancha, helicópteros e outros que não pagam e não contribuem em nada para nossa Receita!

Há, no PND, um maior rigor com aqueles que devem. Chega de premiar os maus pagadores. Assim, quase 3 bilhões por ano em multas, por órgãos de fiscalização, devem entrar em nossa receita, bem como aquelas mais graves de grandes empresas!

PRECISAMOS DE UMA LIDERANÇA EXPERIENTE E CAPACITADA

O governo central tem papel direto nessa virada de jogo! Bolsonaro recusa multas e o recebimento dos valores por “aconselhamentos” dos criminosos multados repetidamente pelos mesmos erros. Tal omissão nos custa bilhões de reais.

Com um projeto alinhado, parceiro do empresário e que fortalece de verdade a iniciativa privada, não teríamos mais o problema de deixar de arrecadar mais de 417 bilhões por ano por sonegações de empresas! É preciso alguém com experiência e currículo para isso! Não um aventureiro, uma terceira via ou alguém que seja acusado por improbidade ou mal feito na vida pública!

Não falamos de privatizações, mas de um projeto nacional! É um desenvolvimento aqui dentro, portanto, nacional! Assim, se a corrupção e as más escolhas de nossos governantes são péssimas, a incompetência deles nos humilha, mata e destrói por dentro!

Ciro Gomes fala de onde vem, como vem e para onde vai todo o valor, com prazos e supervisões! Ciro Gomes tem experiência e sabe o papel de um presidente da República!

Leia o PND!

+ Não há comentários

Adicione o seu