Pesquisas não tutelarão nossa democracia – veja indícios de erros na divulgação


Texto de: Augusto Neto

Venho me dedicando à exaustão ao projeto de país em que acredito. Assim como defende o Ciro, não acredito nele como um “salvador da pátria”, mas enxergo em sua candidatura o último espaço de proteção da nossa Democracia no quadro atual.

Percebi, conversando com as pessoas, que há uma consensual falta de confiança nos institutos de pesquisa, mas, ao mesmo tempo, as mesmas se abatem, frustram e assustam com cada resultado negativo. Me debrucei no assunto e descobri uma coisa intrigante.

No Ibope divulgado segunda-feira (01/10), o site da Globo afirma que “a pesquisa ouviu 3.010 eleitores entre sábado (29) e domingo (30)”. Em uma rápida consulta ao site do TSE, vi que isso não era verdade.

Veja o link de divulgação da pesquisa no G1:

O site do TSE:

O início da pesquisa está registrado legalmente como dia 25/09 (terça-feira da semana anterior). Ou seja, perfeitamente 90% dos entrevistados podem ter sido questionados antes de:
– Delação do Palocci
– Manifestações do #EleNão
– Matéria da Veja sobre a ex-esposa do Bolsonaro
– Matéria da Istoé sobre o Lula
– Debate da Record

É um dado que pode ser viciado por isso e o site da Globo “erra” em seu texto, comunicando um período diferente ao eleitor.

O mesmo se repete na pesquisa de quarta-feira (03/10), que atesta ter entrevistado “3.010 eleitores na segunda-feira (1) e na terça-feira (2)”, quando legalmente pode ter apurado desde 27/09!

Veja o link de divulgação no portal G1:

E os dados divulgados no site do TSE:

Mais uma vez, a maioria das entrevistas pode ter sido colhida antes de todos aqueles eventos que tiram votos do Bolsonaro e do Haddad. E a globo “erra” mais uma vez na informação em seu portal.

Intrigado com isso, resolvi fazer um levantamento comparativo das pesquisas de 2014 diante do resultado final das eleições.

É assustador!

Vejam:

PESQUISAS DE QUINTA em 2014:

Dilma – Ibope 47% / Datafolha 45%
Marina – Ibope 28% / Datafolha 27%
Aécio – Ibope 22% / Datafolha 24%

PESQUISAS DE VÉSPERA em 2014:

Dilma – Ibope 46% / Datafolha 44%
Aécio – Ibope 27% / Datafolha 26%
Marina – Ibope 24% / Datafolha 24%

RESULTADOS DAS URNAS em 2014:

Dilma – 41,59%
Aécio – 33,55%
Marina – 21,32%

DIFERENÇAS ENTRE AS PESQUISAS DE QUINTA E OS RESULTADOS em 2014:

Dilma:
– Obteve menos 5,4% do que dizia o Ibope
– Obteve menos 3,4% do que dizia o Datafolha

Aécio:
– Obteve mais 11,4% do que dizia o Ibope
– Obteve mais 9,4% do que dizia o Datafolha

Marina:
– Obteve menos 6,6% do que dizia o Ibope
– Obteve menos 5,6% do que dizia o Datafolha

QUESTIONAMENTO INTERESSANTE:

E se pegarmos os três primeiros colocados das atuais pesquisas e aplicássemos as mesmas margens de erro de 2014? No que daria?

– Primeiro colocado: Bolsonaro
Ibope 32% (com o erro do 1º de 2014 = 26,6%)
Datafolha 35% (com o erro do 1º de 2014 = 31,6%)

– Segundo colocado: Haddad
Ibope 23% (com o erro do 2º de 2014 = 16,4%)
Datafolha 22% (com o erro do 2º de 2014 = 16,6%)

– Terceiro colocado: Ciro
Ibope 10% (com o erro do 3º de 2014 = 21,4%)
Datafolha 11% (com o erro do 3º de 2014 = 22,4%)

RESULTADO:

Até mais do que em 2014, há margem para mudanças.

CONCLUSÕES:

As situações e personagens são diferentes, o que evidentemente pode poluir os números, tudo bem. No entanto, mesmo com essa diferença, a comparação prova que a eleição está em aberto.

As pesquisas errarão mais uma vez. E essa reta final exige que defendamos o Brasil sem pausa!

Não há nada mais forte do que um ideia de que o tempo chegou!

FONTES: 
http://g1.globo.com/politica/eleicoes/2014/noticia/2014/10/ibope-votos-validos-dilma-tem-46-aecio-27-e-marina-24.html
http://g1.globo.com/politica/eleicoes/2014/noticia/2014/10/datafolha-votos-validos-dilma-tem-44-aecio-26-e-marina-24.html
http://g1.globo.com/politica/eleicoes/2014/apuracao-votos-presidente.html
https://g1.globo.com/politica/eleicoes/2018/noticia/2018/10/03/pesquisa-ibope-para-presidente-bolsonaro-32-haddad-23-ciro-10-alckmin-7-marina-4.ghtml
https://g1.globo.com/politica/eleicoes/2018/noticia/2018/10/04/pesquisa-datafolha-para-presidente-bolsonaro-35-haddad-22-ciro-11-alckmin-8-marina-4.ghtml

+ Não há comentários

Adicione o seu