Deep News – Amazônia consumida


Hoje, pro segundo post da coluna Deep News, nós havíamos combinado de falar mais sobre as deepfakes. Mas esse tema ficou pra semana que vem, hoje temos algo mais urgente para tratar: A Amazônia, a maior floresta tropical do mundo, está em chamas e é preciso irmos fundo na origem desse problema.

Como dito em no primeiro post, nossa coluna pretende explorar os aspectos mais complexos por trás da notícia. São muitos dados que explicam os motivos destas queimadas estarem acontecendo: O Brasil tem a terceira maior área de produção agropecuária do mundo, só ficando atrás da China e dos EUA. São 245 milhões de hectares destinados as lavouras e as pastagens, que em 30 anos o Brasil perdeu 70 milhões de hectares em florestas e que 29% da amazônia que nos resta é destinada a agropecuária. O que tudo isso quer dizer e qual a relação destes dados com as queimadas?

Desmatamento Amazônia INPE

 

As queimadas não são por acaso. São pré-requisitos para que grileiros, fazendeiros e pecuaristas possam aumentar as áreas de plantio de soja (para produção de ração de gado europeu e chinês), pastagem e consequentemente seus lucros.

Diante deste governo de inaptos, da bancada do boi, da bíblia e da bala, ficou claro que não podemos contar com o bom senso de nossas lideranças políticas para tomar atitudes necessárias e urgentes quanto ao que está ocorrendo neste verdadeiro holocausto ambiental que o Brasil está sofrendo. E pra ser sincero, tá bem puxado lidar com essa realidade.

Gráficos bovinos IBGE

A conta não fecha. Para cada 1 milhão de reais ganhos pela pecuária bovina são gerados 22 milhões de custo do impacto ambiental. Leia Mais!

É uma indústria insustentável por tanto motivos que muitas pessoas no Brasil e no mundo estão mudando seus hábitos alimentares e tomando uma atitude em prol da nossa espécie.

Foi o caso desse que vos escreve. Por achar necessário dar uma resposta individual para as críticas a sociedade de consumo me tornei vegetariano estrito (sem consumir nada de origem animal) fazem 3 anos. Está sendo uma das melhores atitudes que consegui tomar para não me sentir tão impotente perante ao cataclisma ambiental que nos ameaça.

Porém o processo lento de transformação da sociedade dificulta vermos que ações individuais como a minha fazem sentido. Mas videos, textos e documentários abundantes na internet como o “cowspiracy”, ( https://youtu.be/sgj5Z9MZOaI ) têm virado esse jogo e trazendo muitas pessoas a consumirem com mais consciência. E de outra forma, desastres ambientais como a queimada da Amazônia podem também gerar esse efeito transformador, como ocorrido ontem, como relatou a mensagem que recebi da minha amiga Ana:

Seu depoimento enviado por whatsapp me lembrou que, individualmente, há esperanças que podemos sim lutar por um ideal, de fazer algo pela Amazônia e consequentemente por nós mesmos. Pedi pra ela escrever para nós sobre esse sentimento que a motivou a mudar seus hábitos:

“O sentimento que mais me incomoda na vida é o da impotência. É algo que me paralisa e me desespera. Nunca havia sentido impotência em relação às questões ambientais. De certa forma, minhas pequenas atitudes como não dirigir, não desperdiçar água e usar o canudinho de metal, aliados ao voto, me pareciam quase suficientes. Foi preciso um desgoverno, um presidente francês, uma Luísa Mell desesperada e uma Amazônia em chamas pra eu despertar perante minha impotência. Curiosamente a impotência veio seguida algumas horas depois de uma potência de transformação. Decidi que se ninguém vai fazer nada a respeito, o que posso fazer é parar de dar dinheiro pra ruralista. Parar de alimentar um negócio que se alimenta da nossa própria desgraça futura, para muitos presente. Parar de encher o bolso da bancada que mais destrói esse país. A bancada que pôs, junto com a banca evangélica e a bancada da bala, Bolsonaro no poder. Já não vou a Igreja Universal nem tenho arma. Só faltava o último: a carne. Quem sabe assim a impotência diminua e até a saúde, física, mental e espiritual melhore.”

Conheço Ana há muitos anos, fui padrinho de seu casamento com meu melhor amigo e nunca imaginei que ela fosse abdicar de comer carne. A potência do senso de urgência nos move!

Felipe Neto, um dos maiores youtubers do Brasil também ficou sensibilizado com as queimadas na Amazônia e surpreendeu muita gente com sua promessa de ficar 1 semana sem comer carne:

 

Tweet carne Felipe Neto

 

Atitudes como estas que eu, a Ana e o Felipe Neto optaram por fazer estão em nosso alcance. Nada mais revolucionário numa sociedade de consumo que optar por consumir com consciência. Dando um passo humilde em direção a sustentabilidade podemos construir a esperança em nós mesmos e só assim possamos ter esperanças que o mundo possa pensar com mais profundidade suas ações.

Mais do que rezar pela Amazônia, há muito que podemos fazer na prática: compartilhar esse post, consumir alimentos conscientemente (reduzir pode ser um bom primeiro passo, confira a “segunda sem carne” abaixo) e também ir às ruas exigirmos que nossos representantes tomem medidas pela proteção ambiental. Confiram a lista de eventos ao final do post:

Interessado(a)? O projeto “segunda sem carne” do beatle Paul Mccartney é um ótimo primeiro passo para mudarmos nossos hábitos e começarmos a semana de forma mais consciente. Saiba mais em: www.segundasemcarne.com.br

#AmazoniaNaRua

(Veja o horário das manifestações em defesa do nosso futuro e, caso não encontre em sua cidade, organize uma manifestação!! Atualizado às 10:00 – 22/08/2019)

  • Brasília, DF – 23.08 / 17hrs / Rodoviária do Plano (marcha para a Esplanada até o Ministério do Meio Ambiente para tirar aquele ministro de lá! #ForaSalles!)
  • Rio de Janeiro, RJ – 23.08 / 17h / Cinelândia
  • São Paulo, SP – 23.08 / 18hrs / MASP
  • Salvador, BA – 23.08 / 14h / Pelourinho
  • Curitiba, PR – 23.08 / 17:30h / Praça da Mulher Nua
  • Londrina, PR – 23.08 / 15h / Calçadão de Londrina
  • Atalanta, SC – 23.08 / 9h / Colégio Dr. Frederico Rolla
  • Juazeiro do Norte, CE – 23.08 / 17h / Praça do Giradouro
  • Manaus, AM – 24.08 / 10h / Praça do Congresso
  • Belém, PA – 24.08 / 8h / Praça da República
  • Recife, PE – 24.08 / 14h / Rua da Aurora
  • Fortaleza, CE – 24.08 / 14h / Gentilândia
  • Porto Alegre, RS – 24.08 / 15h / Parque Farroupilha
  • Goiânia – 24.08 / 14 hrs / Vaca Brava
  • São Luis, MA – 24.08 / 15 hrs / Praça Deodoro
  • Vitória, ES – 24.08 / 15h / Pç do Papa
  • Campo Grande, MS – 24.08 / 13 hrs / Av. Afonso Pena
  • Cuiabá, MT – 24.08 / 16 hrs / Praça Alencastro
  • Palmas, TO – 24.08 / Praça Girassóis
  • Aracaju, SE – 24.08 / 15h / Pç General Valadão
  • Maceió, AL – 24.08 / 14h / Orla
  • Foz do Iguaçu, PR – 24.08 / 15h / Av Araucária
  • Campinas, SP – 24.08 / 16hrs / Av. Francisco Glicério
  • Juiz de Fora, MG – 24.08 / 16h / Pq Halfeld
  • Ribeirão Preto, SP – 24.08 / 14 hrs / Av. Francisco Junqueira
  • São Carlos, SP – 24.08 / 15h / Praça São Benedito
  • Sorocaba, SP – 24.08 / 15h / Pç Coronel F Prestes
  • Natal, RN – 24.08 / 15hrs / Midway
  • Chapecó, SC – 24.08 / 15h / Pç Coronel Bertaso
  • Montes Claros, MG – 24.08 / 13h / Parque Dr Carlos Versiani
  • Joinville, SC – 24.08 / 15h / Praça da Bandeira
  • Mossoró, RN – 24.08 / 16h / Memorial da Resistência
  • Belo Horizonte, MG – 25.08 / 10h /  Praça do Papa
  • Rio de Janeiro, RJ – 25.08 / 14h / Praia de Ipanema
  • Florianópolis, SC – 26.08 / 12h / Largo da Catedral
  • Santo André, SP – 31.08 / 12 hrs / Prefeitura

O mundo inteiro com a gente!!

  • 🇪🇸 Madrid, Espanha – 23.08 / 12h / Embaixada do Brasil
  • 🇪🇨 Quito, Equador – 23.08 / 14h / Embaixada do Brasil
  • 🇵🇪 Lima, Peru – 23.08 / 14h30 / Consulado do Brasil
  • 🇩🇪 Kempten, Alemanha – 23.08 / 13h / St. George´s Hall
  • 🇪🇸 Salamanca, Espanha – 23.08 / 19h / Plaza Mayor
  • 🇪🇸 Pamplona, Espanha – 23.08 / 17h30 / Plaza del Castillo
  • 🇮🇹 Turim, Itália – 23.08 / 17h / Piazza Castello
  • 🇺🇾 Montevideo, Uruguay – 23.08 / 17h / Embaixada do Brasil
  • 🇬🇹 Guate, Guatemala – 23.08 / 12h30 / Embaixada do Brasil

Chegou a hora de transformar as coisas!

#AmazoniaFicaBolsonaroSai
#ForaSalles
#MudarOSistemaNãoOClima
#AgronegocioMata
#SangueIndigenaNenhumaGotaAMais
#ÁguaNãoÉMercadoria

(para incluir a manifestação de sua cidade na lista que estamos disparando, envie para (61) 99932-5440)

+ Não há comentários

Adicione o seu